Você conhece a si mesmo?

Você conhece a si mesmo? Para nosso crescimento e desenvolvimento pessoal e profissional é essencial buscar o Autoconhecimento (Conhecer quem nós somos e como os outros nos vêem).

Atualmente há muitos recursos, estudos e ferramentas para buscar este desenvolvimento, porém é importante destacar que isso não é um esforço pontual, mas deve ser uma constante busca por desenvolvimento e descobertas individuais.

O Autoconhecimento é um processo contínuo onde você se conhece, se aceita e se reconhece o tempo todo em um ciclo praticamente infinito, pois quando mais se conhece, mais se desenvolve. Resumindo: É um ciclo de melhoria contínua de sí próprio.

Existe uma teoria que ajuda a compreender a necessidade de autoconhecimento e de reforço de relacionamento interpessoal que chama-se, Janela de Johari, e é exatamente sobre esta janela que este artigo discorre. Janela de Johari é uma ferramenta conceitual, criada por Joseph Luft e Harrington Ingham em 1955, que tem como objetivo auxiliar no entendimento da comunicação interpessoal e nos relacionamentos com um grupo.

A teoria parte de um princípio muito simples:

  • Há muitas coisas que você sabe sobre você.
  • Há muitas coisas que você não sabe sobre você.
  • Há muitas coisas que as pessoas sabem sobre você.
  • Há muitas coisas que as pessoas não sabem sobre você.

Cruza-se todas estas informações numa matriz com quadrantes que indicam o quanto temos consciência sobre nós mesmos em comparação ao quanto expomos e somos percebidos pelas pessoas com as quais convivemos.

Abaixo será destacado cada quadrante individualmente, temos um tipo de “janela”, como segue: Janela Aberta = O que eu sei sobre mim e os outros também sabem sobre mim

Representa nosso maior potencial de criar relacionamentos transparentes. Esta janela reflete o que conhecemos sobre nós, o que compartilhamos e expomos ao mundo, criando a possibilidade de identificar pontos em comum e estratégias conjuntas de fortalecer as relações. Janela Secreta = O que eu sei sobre mim, mas os outros não sabem sobre mim

A Janela secreta contém preferências, comportamentos e escolhas que gostaríamos de manter em modo privado; mas também envolve características nossas que os outros não tiveram a oportunidade de ver. Janela cega = O que eu não sei sobre mim, mas os outros sabem sobre mim

Essa é a janela mais importante para o autoconhecimento, porque ela representa a forma como você impacta as pessoas; a maneira como os outros percebem a sua interação, apesar de você não ter consciência. É a janela que precisa de uma busca constante quanto ao conhecimento e feedbacks ajudam-nos a melhorar principalmente se você impacta as pessoas negativamente. JANELA DESCONHECIDA = O que eu não sei sobre mim e os outros também não sabem sobre mim

Esta é uma área inexplorada. Normalmente, compreende características que ainda não foram colocadas em prática e conseguimos descobrir nossos potenciais através de coaching ou treinamentos de lideranças. Vale a pena investir ! É preciso cuidado e atenção quanto à abordagem no dia a dia, pois dependendo da forma de interação ou grau de exposição, a configuração da janela de Johari poderá variar sem que você perceba e acabar mostrando uma janela que não gostaria.

Busque melhorar o que você conhece sobre você mesmo, e cuide dos pontos que precisam ser melhorados de forma a maximizar e ter a “Janela Ideal”, que se apresenta quando o quadrante “Janela Aberta” é bem maior do que os demais. Assim, você potencializa a conexão positiva, gerando confiança!

Outro grande ponto importante é possuir uma estratégia de pedir e aceitar feedbacks com frequência para aumentar a área “o que eu sei sobre mim” e encontrar formas de saber mais sobre suas preferências, tentar coisas novas, interagir e usar a criatividade!

Flávio Costa on InstagramFlávio Costa on LinkedinFlávio Costa on Twitter
Flávio Costa
Gerente de Projetos na Hexagon
Especialista em gestão de projetos, programas e portfólios com mais de 15 anos de experiência na indústria de desenvolvimento de software.

Possui as principais certificações internacionais do mercado como especialista em gestão de projetos: PMP e PMI-ACP pelo PMI (Project Management Institute), Prince2 Practitioner, Prince2 Agile Practitioner e Management of Portfólio pela Axelos (Abordagem britânica), entre outras certificações em Scrum Master e Product Owner (PSM I, PSM II PSPO I e Coach em Scrum Master) além de ser oficialmente um PRINCE2® Accredited Trainer (Professor autorizado a ministrar curso da metodologia Prince2 Practitioner).

Gerenciou grandes projetos e programas de implantação de sistemas nos segmentos de comércio, varejo, engenharia, segurança pública, sempre com foco no relacionamento interpessoal, gestão de mudança com alto valor estratégico. Engajado e comprometido em construir e liderar equipes de auto desempenho para atingir as metas estratégicas organizacionais com entrega de valores e benefícios aos clientes.

Atualmente é Gerente de Projetos na Hexagon, Professor em gestão de projetos pelo Site Campus, palestrante, colunista e autor nos principais portais de projetos e TI do país (Projetos e TI e Profissionais TI).

Flávio Costa

Especialista em gestão de projetos, programas e portfólios com mais de 15 anos de experiência na indústria de desenvolvimento de software. Possui as principais certificações internacionais do mercado como especialista em gestão de projetos: PMP e PMI-ACP pelo PMI (Project Management Institute), Prince2 Practitioner, Prince2 Agile Practitioner e Management of Portfólio pela Axelos (Abordagem britânica), entre outras certificações em Scrum Master e Product Owner (PSM I, PSM II PSPO I e Coach em Scrum Master) além de ser oficialmente um PRINCE2® Accredited Trainer (Professor autorizado a ministrar curso da metodologia Prince2 Practitioner). Gerenciou grandes projetos e programas de implantação de sistemas nos segmentos de comércio, varejo, engenharia, segurança pública, sempre com foco no relacionamento interpessoal, gestão de mudança com alto valor estratégico. Engajado e comprometido em construir e liderar equipes de auto desempenho para atingir as metas estratégicas organizacionais com entrega de valores e benefícios aos clientes. Atualmente é Gerente de Projetos na Hexagon, Professor em gestão de projetos pelo Site Campus, palestrante, colunista e autor nos principais portais de projetos e TI do país (Projetos e TI e Profissionais TI).

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: