PRINCE2 Projeto

PRINCE2 metodologia de GP

PRINCE (Projects in Controlled Environments) foi inicialmente desenvolvido pelo Governo do Reino Unido, em 1989, como método padrão para gerenciamento de projetos de Tecnologia da Informação. Desde então, o método tem sido melhorado (PRINCE21) e provado ser uma excelente abordagem das melhores práticas, aplicável ao gerenciamento de todos os tipos de projetos.

Trata-se de um método estruturado de gerenciamento de projetos. Para descrever o que um projeto deveria gerar, PRINCE2 tem uma série de processos que cobrem todas as atividades requeridas em um projeto, do início ao fim, estabelecendo uma clara direção passo a passo. Os processos de PRINCE são complementados por vários temas, tais como Risco e Qualidade, que proporcionam a construção dos blocos do projeto, e norteados por claros princípios, que habilitam a equipe do projeto a usar conceitos que se revelaram consistentes ao longo do tempo.

PRINCE2 tem sido largamente adotado e adaptado tanto pelo setor público quanto pelo setor privado e é, atualmente, a metodologia aceita globalmente para gerenciamento de projetos. Está bem estabelecida na maior parte dos setores do Reino Unido, onde é frequentemente requerida pelos compradores em seus pedidos de proposta. PRINCE2 tem experimentado forte crescimento na Europa, na África e na América do Norte.

Quem usa PRINCE2?

O interesse internacional tem crescido rapidamente, e PRINCE2 está atualmente sendo usado por organizações globais como Sun Microsystems, DHL, British American Tobacco e PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento). É reconhecido como melhor prática pelos maiores provedores de soluções – incluindo Microsoft, HP e IBM. PRINCE2 é concebido para incorporar os requisitos e experiências de usuários de todo o mundo. Agora temos a versão em Português do Manual do PRINCE22.

Por que PRINCE2 tem tido tanto sucesso?

É uma metodologia de aplicação imediata, baseada em milhares de projetos bem-sucedidos. É atualizada regularmente, aproximadamente a cada três anos. PRINCE2 provê as organizações com uma metodologia repetível, além de uma linguagem e documentos comuns para toda a empresa.

PRINCE2 é aplicável a qualquer setor de atividade, independentemente das técnicas e práticas adotadas pela organização.

PRINCE2 compartilha com a ITIL (Information Technology Infrastructure Library), a propriedade do padrão de Gerenciamento de Serviços de TI (ITSM). O uso de PRINCE2 proporciona um método provado para aplicação do referencial do guia PMBOK® 3.

Quais são as vantagens de PRINCE2?

PRINCE2 pertence ao Office of Government Commerce, órgão do governo britânico.

  • PRINCE2 é de uso livre
  • Amplamente aceito – mais de 350.000 usuários certificados em todo o mundo
  • Registros comprovados de desempenho, com crescente uso internacional,
  • Ao longo de mais de 25 anos, a partir da experiência real.

Melhor governança

  • PRINCE2 é orientado pelo processo – os projetos seguem os mesmos procedimentos, produzem a mesma documentação e são mais fáceis de auditar.

Economia de tempo

  • Padroniza a abordagem, aumentando a clareza e reduzindo a confusão.
  • O método baseado no processo proporciona um claro mapa do percurso, reduzindo o tempo gasto na criação de soluções ad hoc para as questões suscitadas pelo projeto.
  • PRINCE2 é um método maduro – os usuários de hoje se beneficiam das lições aprendidas em milhares de projetos anteriores.

Economia de dinheiro

  • Projetos PRINCE2 são orientados por Business Case – a viabilidade do projeto é constantemente confrontada com as necessidades da organização.
  • Uso livre – nenhum pagamento de licença é requerido. Estima-se que o desenvolvimento e manutenção de uma metodologia feita em casa custe entre USD 200.000 e USD 500.000

Melhor qualidade

  • A abordagem do planejamento baseado no produto de PRINCE2 é orientada para resultados e quantifica esses resultados claramente.
  • Um tema documentado – Controle de Mudança – oferece uma abordagem clara de questões relacionadas a mudanças.
  • Organização definida do projeto – os papéis são descritos desde o início.

Postei também um artigo sobre PRINCE2 Perguntas e Respostas4, confira.

Referencias

  1. http://www.best-management-practice.com/Project-Management-PRINCE2/  
  2. Manual do PRINCE2  
  3. PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK), 4th edition. Pensilvania: PMI, 2008  
  4. PRINCE2 Perguntas e Respostas – Blog do PAFFERREIRA  
Paulo Ferreira

Comentários

Deixe uma resposta