Tecnologia

Na contramão da tecnologia, OldSchool x NewCollege

Às vezes me questiono sobre como algumas coisas devem mudar e como algumas jamais deveriam. Digo isto porque vejo muitas coisas que mudaram sem necessidade enquanto outras ainda perduram mesmo que não mereçam.

A evolução tecnológica acontece ano após ano, dia após dia, mas como compreendê-la? Odeio ver os teenagers de hoje em dia trocar de computador a cada 6 ou 7 meses.

“Quero um FODAWCORE com 6GHZ, 8GB de memória DDR3, placa de vídeo dual 1,5GHz, três HDs de 1TERABYTE e placa de som com 12 canais”

E no fim eu ainda acabo produzindo mais do que este pequeno ser, é impressionante que com tanta gente precisando de um computador em casa, querendo realmente estudar, enquanto outros não sabem o que querem comprar.

Na contramão da tecnologia eu sigo, afinal sou da era dos 286, da era em que placas mãe tinham processador e co-processador matemático separados, aonde vinham mais jumpers que componentes, onde a leitura do manual era imprescindível.

Tempo bom onde ao montar um micro, sabia-se onde ficavam todas as portas e rotas de entrada e saída, onde as configurações de um modem USRobotics ISA era realizada configurando IRQs (algum deles sabe o que são 33.600 de velocidade?), onde as placas de rede compatível NE2000 seguiam o padrão de IRQ  5, 320.

Hoje em dia jumper é coisa pra cinema, ficção cientifica com Samuel L. Jackson, quem são estes jovens? Orkut, MSN, MP3, Twiterr, Facebook, Live Spaces, a maioria destas coisas usa apenas uma coisa, internet eu com um K6-II 500MHz faço tudo isso, e tranqüilo, iPod, iPhone, MP7, MP9, MP10? É celular ou radio? De que adianta ter um iPhone se você não tem crédito para usar? Mais fácil comprar um home theater, por enquanto ele não faz ligações.

Se eu fico diante de um Pentium-100MHz com 16MB RAM, rodando meu saudoso Windows 95C (Plus com IE4 e recurso de drag’and’drop), não vou me estressar se ela demora 5 minutos para ligar, pois sei o que ela pode fazer, hoje em dia com os Sistemas operacionais cada vez mais pesados, não adianta ter um Fusca ou uma Ferrari, de qualquer jeito você vai penar, e nunca vai conseguir usar seu micro como deveria ser usado.

Já instalei Windows 95 A (apenas 80MB) em um computador 286 com apenas 4MB de memória e jogava Return to Castle Wolfenstein sem problemas, usei de 1997 até 2002 um Pentium-233MMX com 32MB RAM (upgrade para 64MB) E com um HD de 3.2GB, rodando primeiramente o Windows 95, upgrade para Windows 98, depois 98se e por fim para poder utilizar melhor meu hardware o Windows Millennium (sim usei e recomendo, tem que saber configurar para não falar mal).

Vou relatar nesta (minúscula) série minhas desventuras, peripécias, desilusões e alegrias nesta louca vida de tecnólogo. Inclusive como fazer a pequena proeza abaixo:

Celeron 300MHz com 32MB RAM e windows XPSP3

Coimbra, PMP on FacebookCoimbra, PMP on LinkedinCoimbra, PMP on TwitterCoimbra, PMP on Youtube
Coimbra, PMP

CEO do portal, apaixonado por gestão de projetos, metodologias, minha família, professor, consultor, certificado PMP, Six Sigma White Belt.


Comentários

Deixe uma resposta