Gestão Estratégica

Gestão Estratégica x Planejamento Estratégico: Conceitos e Diferenças

Caro leitor, no primeiro artigo, fiz uma breve introdução sobre a Gestão e o Planejamento Estratégico. Agora, gostaria de mostrar a diferença entre estes dois conceitos que, apesar de suas dominações semelhantes, exigem práticas diferenciadas durante sua execução. Vejamos:

A Gestão Estratégica fornece condições de acrescentar novos elementos de reflexão e ação sistemática e continuada, buscando avaliar a situação atual, elaborar projetos e mudanças estratégicas, acompanhando e gerenciando os passos da implementação. Já o Planejamento Estratégico formula os objetivos para a seleção de planos de ação e execução, analisando o ambiente interno e externo e sua evolução 1.

Segundo o dicionário Houaiss, Estratégia significa “a arte de aplicar com eficácia os recursos de que se dispõe ou de explorar as condições favoráveis de que porventura se desfrute, visando ao alcance de determinados objetivos”. No dicionário Michaelis a definição é mais simplificada: “a arte de dirigir coisas complexas” 2. Como você pode notar as duas definições tratam a estratégia como “Arte”, neste caso, com a finalidade de direcionar e gerenciar todos os recursos da organização, de acordo com a capacidade e habilidade dos colaboradores, e nas ações planejadas, almejando o objetivo organizacional.

E na prática, quais são as diferenças?

Para quem já atua no mercado, sabe o quão difícil é manter em alta a competitividade e os desafios. Para auxiliar nisto, se faz necessário à utilização de ferramentas para realizar métricas, apontar os riscos, as oportunidades e indicar resultados, fornecendo relatórios sobre como está o desenvolvimento e a evolução da estratégia organizacional. É preciso formular objetivos para a seleção do plano de ação, sua execução e desenvolve-lo de forma a assegurar o complemento entre os departamentos e as estratégias da organização. Sim, estamos falando do Planejamento Estratégico. Em outras palavras, é o processo de analisar uma organização – em todos os departamentos – definindo seus rumos por meio de um direcionamento. Porém, pensar, elaborar e colocar em execução o plano de ação não é suficiente; é necessário monitorar, identificar os riscos, oportunidades, apontar melhorias, corrigir as falhas… Enfim, Gerenciar a Estratégia planejada e implementada.

Digamos que o plano inicial coloque a empresa em vantagem competitiva, mas, que no decorrer dos dias o cenário mercadológico sofra algumas alterações, fazendo com que as ações planejadas inicialmente deixem de ser competitivas perante a concorrência. O que fazer? Durante todo o período de execução, é preciso elaborar novas estratégias, adaptando-as às exigências do mercado, agregando valor a organização, avaliando as oportunidades e posicionamento organizacional, capacitando os colaboradores e realizando estudos de investimentos e seus retornos.

O plano estratégico é a consolidação de ideias, preparando os objetivos e programas de ação para a sua execução. A gestão estratégica irá implementar o plano, objetivando a obtenção dos melhores resultados, reavaliando e reformulando constantemente todo o processo, conforme as exigências e mudanças nos contextos do ambiente organizacional (interno e externo); visando suprir o maior desafio da gestão estratégica: a efetividade prática no alcance dos objetivos organizacionais; ou seja, a capacidade de alavancar os negócios, alinhando e adaptando-os à proposta do plano estratégico. Como toda função de Gestão, é evidente a necessidade de uma dinâmica permanente de planejamento, execução, monitoramento, avaliação, ajuste e reajuste. Quando é definido o equilíbrio entre estes dois conceitos, os resultados tendem a ser cada vez mais satisfatórios.

Espero que tenha ficado claro estas diferenças para você. No próximo artigo, irei falar sobre o Triângulo Estratégico: Propósito, Ambiente Externo e Capacitação. Como alinhar estas três áreas à estratégia? O quanto elas são importantes para a evolução da organização? Não deixe de acompanhar esta série e colabore, deixando sua opinião ou sugestão sobre o que você gostaria de ler. Até a próxima!

Referencias

  1. Campos, Wagner. O que é a Gestão Estratégica. Administradores. Disponível em: http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/o-que-e-a-gestao-estrategica/28653/  
  2. TRT. O que é Planejamento Estratégico. Disponível em: http://gestaoestrategica.trt10.jus.br/portal/index.php?option=com_content&id=62&Itemid=76  
Renato Cunha

Comentários

Deixe uma resposta